Como vender produtos digitais sem erro

Vendendo produtos digitais

À medida que mais e mais pessoas estão recorrendo a Internet para aprender novas habilidades, os criadores de infoprodutos têm obtido excelentes lucros. Mas, muitos ainda não sabem como vender produtos digitais sem erro.

O mercado de cursos online está crescendo de forma espantosa, abrindo espaço para empreendedores digitais venderem seu conhecimento. Essa é uma ótima notícia para quem deseja criar um negócio online rentável.

No entanto, para você ensinar de forma online, ou seja, no formato de ensino a distância (EAD), precisa ter acesso as melhores dicas para saber como vender produtos digitais sem erro. Portanto, chegou ao lugar certo!

Atualmente, muitos criadores de infoprodutos estão lutando para vender seus cursos e não estão obtendo resultados. Talvez esse seja o seu caso. Mas, por que isso acontece?

A seguir, vamos mostrar seis erros que podem estar impedindo você de vender seu curso online e como você pode evitá-los.

Isso deve lhe dar uma boa perspectiva dos desafios que você precisa superar em sua jornada de criação de produtos digitais.

Erro 1: Não validar sua ideia de curso online

Antes de qualquer empreendedor lançar um curso online, ele deve realizar uma extensa pesquisa de mercado para validar sua ideia de curso online.

Portanto, você precisa ter certeza de que há um mercado para o tema do seu infoproduto. Então, antes de investir seu tempo e dinheiro na criação de um curso, é essencial validar sua ideia.

No entanto, a maioria dos criadores de conteúdo define o tema do seu produto digital supondo que seu público-alvo vai se interessar em aprender sobre aquele assunto, o que acaba sendo um grande erro.

Saiba que fazer um pouco de pesquisa pode revelar no que seu público-alvo está mais interessado. A dica é coletar informações deles usando os formulários do Google Forms.

Talvez você se surpreenda com os resultados e perceba que seus clientes em potencial têm uma ideia diferente da sua.  Por outro lado, é possível que você esteja certo em suas suposições.

Mas, você também pode descobrir que o mercado do seu curso online é muito competitivo e está lotado de outros cursos semelhantes ao seu, tornando mais difícil para você se destacar.

Para validar sua ideia de curso, você pode estimar os volumes de pesquisa para suas palavras-chave principais. Além disso, dar uma olhada nas redes sociais e vídeos do YouTube, bem como analisar a concorrência e fazer uma pesquisa direta com seus potenciais clientes.

Outra maneira de validar sua oferta é pré-vender seu curso. Isso pode ajudá-lo a evitar o desperdício de horas criando algo que ninguém vai comprar.

Erro 2: Falhar na entrega de resultados

Se o seu curso online não for de boa qualidade e não entregar os resultados prometidos aos clientes, será difícil vendê-lo. Mesmo que você tenha uma ótima ideia de curso e estratégias de marketing eficazes.

Infelizmente, muitos criadores de produtos digitais não percebem que fazer com que o cliente obtenha resultados é a chave para criar um curso de alta qualidade. Sem dúvida, seu curso online é mais do que apenas um monte de vídeos ou texto, é uma jornada de aprendizagem.

Assim, de forma estruturada, o seu conteúdo pode transformar a vida das pessoas, levando o cliente da sua realidade atual para o futuro desejado. Em outras palavras, seu curso é a ferramenta que impulsiona a transformação de seus clientes.

Então, o que você está fazendo para atrair pessoas interessadas em comprar seu curso online? Você oferece um certificado para motivar seus potencias clientes a concluir o curso, ou criou um grupo no Facebook exclusivo para esclarecer as dúvidas de seus clientes?

Você tem uma Plataforma EAD com todos os recursos e funcionalidades necessárias para armazenar e vender seu curso online? Em seguida, abordaremos esse aspecto mostrando como vender produtos digitais sem erro usando a plataforma EAD certa.

Erro 3: Não construir um público desde o início

Muitos criadores de infoprodutos esquecem que precisam de um público para vender seus cursos online. Geralmente, eles têm uma ideia de curso e começam a criar o conteúdo. No entanto, não pensam no público para o qual o curso se destina.

Eles começam a pensar em coisas como a construção de listas de e-mail apenas quando estão enfrentando muitas dificuldades para vender seus cursos online. Mas, a essa altura, eles já perderam muito tempo.

O momento certo para começar a construir um público para seu curso é quando você decide o que vai ensinar. Assim, você poderá começar a criar uma lista de clientes em potencial que desejam adquirir seu curso quando ele estiver pronto.

Saiba que existem algumas maneiras pelas quais você pode criar sua lista de e-mail. Primeiramente, aprenda a criar um ímã de leads. Estamos falando de oferecer algo em troca do endereço de e-mail de alguém.

Pode ser um e-book ou outro conteúdo para download. Você também pode promovê-lo por meio de postagens de blog. A outra opção é criar uma página de lista de espera do curso. Nela você pode destacar alguns dos benefícios que o curso proporcionará aos clientes.

Erro 4: Segmentar muitas fontes de tráfego

Direcionar tráfego para seu site e funis de venda é a chave para vender produtos digitais sem erro.

Infelizmente, muitos criadores de cursos cometem o erro de tentar inúmeras estratégias diferentes ao mesmo tempo na esperança de encontrar algo que funcione.

Assim, eles acabam não colocando o esforço e o foco suficiente em nenhum método. A melhor opção é escolher uma ou duas fontes de tráfego que façam mais sentido para o público que você está tentando alcançar.

Essa é uma das dicas mais valiosas sobre como vender produtos digitais sem erro. Se você for usar SEO, certifique-se de compreender todas as nuances associadas a ele antes de passar para outro método.

Manter o foco em apenas alguns métodos por vez garantirá que você não perca tempo e dinheiro em campanhas de marketing mal estruturadas.

Além disso, é importante lembrar que nem todo tráfego será adequado para o seu infoproduto. Lembre-se de que as fontes de tráfego que você escolhe como alvo devem se adequar ao seu nicho de mercado.

Por exemplo, se você é bom em gravar vídeo-aulas, pode publicar vídeos no YouTube para direcionar tráfego para seu site. Por outro lado, se você tem mais habilidade em escrever conteúdo informativo, criar um blog pode ser a melhor opção.

Erro 5: Não ter um funil de vendas

Uma lista de e-mail é um grande trunfo para se ter em sua empresa. No entanto, apenas ter assinantes de e-mail não é suficiente para convertê-los em compradores.

Você precisa de um funil de vendas que possa nutrir as pessoas que ainda não sabem se devem confiar em você.

Alguns leads que chegam em sua página de destino podem estar interessados ​​no tema que você vai ensinar. Mas eles podem precisar saber um pouco mais sobre você antes de comprar seu curso online.

Você pode começar enviando por e-mail conteúdo útil, como postagens de blog e vídeos. Isso ajudará a mostrar seu conhecimento, o que é uma boa maneira de começar a ganhar credibilidade. Experimente criar campanhas de e-mail marketing usando o MailChimp.

A ideia é agregar valor no início da jornada, o que, por sua vez, ajudará você a construir um relacionamento com eles.

Depois disso, você pode alternar para o “modo de vendas”. A dica é criar uma campanha de e-mail para apresentar seu curso como uma solução para os problemas deles.

Erro 6: Errar em sua estratégia de preço

Saber como definir o preço do seu curso online pode ser complicado. Saiba que não existe uma fórmula secreta para acertar desde o início. Ao escolher um preço para o seu curso online, considere os seus principais objetivos.

Embora a maioria dos criadores de infoprodutos defina preços baixos para seus cursos, também tem aqueles que estipulam preços muito altos. No entanto, nenhum dos dois é bom para as vendas do seu curso.

Se você vender seu curso online muito barato, estará dizendo ao seu público que suas aulas não valem tanto. Isso não é um bom sinal quando você está tentando fazer com que os clientes confiem em você.

Por outro lado, se o preço for muito alto, você pode assustar os clientes que, de outra forma, estariam dispostos a comprar seu curso. Se você estiver vendendo um curso online em um nicho competitivo, precisará ser um especialista no assunto para justificar o preço premium.

Também vale a pena mencionar que se você não conseguir encontrar nenhum curso concorrente sobre o seu tema que esteja sendo vendido por um preço premium, pense em ser o primeiro.

Na pior das hipóteses, você terá um preço muito alto que poucas pessoas aceitarão pagar. Ou talvez você tenha um preço muito baixo levando várias pessoas a comprar seu curso! De qualquer maneira, você aprenderá algo.

A melhor opção é fazer uma pesquisa para saber quanto seus concorrentes estão cobrando. Normalmente, para começar, definir um preço intermediário (nem muito alto nem muito baixo) é o ideal.

À medida que você ganha mais confiança em seu setor de mercado, poderá aumentar gradualmente seus preços.

Como vender produtos digitais sem erro? Foco no conteúdo

Ao criar seu curso online, há duas coisas que você deve considerar. O primeiro é a estrutura (textos, vídeos, arquivos em pdf, áudios, etc). O segundo é o conteúdo, ou seja, quais assuntos você pretende abordar? Então, você consegue adivinhar qual dos dois é o mais importante?

A resposta é ambos! Estrutura e conteúdo são igualmente importantes. Um bom conteúdo com uma estrutura ruim não funciona bem. E uma boa estrutura com conteúdo ruim também não funciona bem.

Portanto, seu curso online precisa ter um conteúdo atraente, que deve ser apresentado em uma ordem específica para ser eficaz.

A indústria de cursos online se tornou bastante competitiva nos últimos anos e parece haver uma centena de cursos para cada tema.

Mas, o que isso significa para você? Quando alguém compara seu curso com outros semelhantes (como provavelmente farão), seu curso deve se destacar como o melhor.

Por isso, se esforce para criar um conteúdo de valor e ser persuasivo em sua página de vendas. Assim poderá convencer muitas pessoas a comprar seu curso online.

Preparado para vender produtos digitais sem erro?

Nunca houve melhor momento para vender produtos digitais. Isso porque as pessoas estão mais abertas à ideia de aprender novas habilidades online. Além disso, o mercado de hoje está repleto de ferramentas úteis para ajudá-lo a começar.

Não se precipite na criação de um curso online antes de ter pensado cuidadosamente sobre cada um dos erros sobre os quais falamos neste guia e como você pode evitá-los.

Esperamos que você tenha entendido como vender produtos digitais sem erro. Mas, de qualquer forma, vamos relembrar algumas dicas:

– Valide a sua ideia de curso antes de começar a criar.

– Coloque seu foco e energia na criação de um curso online envolvente.

– Construa seu público desde o primeiro dia e não espere até que seu curso esteja pronto.

– Identifique as melhores fontes de tráfego e concentre-se nelas.

– Desenvolva um funil de vendas para capturar leads e transformá-los em compradores.

– Encontre o preço ideal para o seu curso online.

Uma boa dica é anotar todas as valiosas lições que você aprender depois de lançar seu curso online e usá-las para melhorar os produtos digitais que você lançará no futuro.

Como vender produtos digitais com uma Plataforma EAD

Parabéns! Agora que você já sabe como vender produtos digitais sem erro poderá aumentar as vendas do seu curso online. Além do tema do curso ser de alto valor, as ferramentas que você usará para ministrar as aulas também precisam ser eficientes.

Por isso, é importante usar a tecnologia certa que ofereça suporte a experiências de aprendizagem de seus clientes. A plataforma EAD Genius reúne os melhores recursos para você lucrar com a venda de seus cursos online.

Na Genius você pode escolher como cobrar seus clientes. A venda é integrada com Pagar.me, PagSeguro e Hotmart, bem como os meios tradicionais de pagamento (boleto e cartão de crédito).

Seja no modelo de clube de assinatura ou cobrança de valor único, a Genius oferece os melhores recursos e funcionalidades, sendo instalada e configurada em seu próprio domínio.

Share this content

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comments

    Join the VIP List

    Get exclusive content

    See more

    ®2022 Genius 2be | All rights reserved​